Google: o dicionário para consulta.

A Algum tempo atras estava trabalhando com meu chefe no escritório, quando ele ficou em dúvida sobre a palavra “Imprescindível”, que até aquela altura escreveu da seguinte maneira “Impressindivel”, rapidamente recorreu ao Google, e escrevendo tal palavra recebeu como retorno o seguinte :






Naquele instante pensei na enorme quantidade de livros na prateleira da estante no escritório, inclusive dois dicionários Aurélio, pensei também nos programinhas de dicionários que geralmente instalamos em nosso computador, mas nada disto, absolutamente nada foi mais rápido e eficiente como o Google.

Hora, já é obvio que a internet e a velocidade que ela proporciona fizeram com que livros ficassem acumulados em livrarias, que diminuíram drasticamente seus estoques, assim como autores estão aumentando o intervalo de edições de seus livros, buscando outras alternativas de sobrevivência, diga-se de passagem,  a internet é quase acessível por todos no Brasil, quase, pois uma grande minoria ainda necessita dos livros como única fonte de estudo e pesquisas, seria um destino fabuloso para aqueles livros empoeirados na estante que nada servem senão para enfeitar ou fingir alguém que “estudou muito”.

Concluindo a fonte de raciocínio o Google definitivamente vai dominar o mundo, pois em seu pacote foi construído aplicativos complexos, mas também fornece outros tipos de serviços simples, como o Dicionário por exemplo, fazendo com que nesta loucura de selva de pedra, o tempo predomina e se torna dinheiro, a eficiência e velocidade da consulta nos faz admirar e se tornar escravo dessa fabrica fantástica chamada Google, mas sabe de uma coisa? Ganhamos a vida porem não nos tornou sábios como aqueles que exploram um livro de maneira calma e correta, aprendem muito mais que nós, livros, são fonte de informação e conhecimento para milhares de crianças e jovens no Brasil.
Share

Acessibilidade com Leitor de Telas. Parte III

Neste nosso ultimo post referente a Acessibilidade com Leitor de Telas, iremos baixar e instalar o CPqD em seu sistema operacional, vamos ativá-lo, conhecer suas configurações e procurar utilizar nos navegadores, em algum site e usando a tecla TAB como principal guia.
O local de download do programas e dos seus manuais você encontra em: http://www.mc.gov.br/aplicativo-leitor-de-telas
OBS: se você estiver utilizando win7 e os mais novos browsers pode ser que  o programa não funcione corretamente, ele alerta após a instalação sobre essa instabilidade.
Execute o arquivo, espere e ouça a narração com muita atenção, ele dirá que ouvir os termos de utilização faz parte do processo de instalação mas você pode optar por sim no momento ou não e deixar para depois perseguindo a instalação. Será perguntado ainda se deseja iniciar o leitor de telas automaticamente com o sistema operacional, opte por não, e em seguida se você deseja iniciar o leitor de telas naquele exato momento, escolha sim.
Imediatamente irá aparecer o ícone do leitor de telas no canto direito do seu sisema operacional, como mostrado na imagem de exemplo, logo abaixo.

O leitor vai ler as janelas que você abre, caixas, textos do Word, etc.
Caso o leitor começa a apresentar problemas de compatibilidade utilize o comando: CTRL + ALT + X para desativar o leitor de telas imediatamente
Para acionar novamente vá ao menu iniciar, procure o programa e clique sobre ele, dentre outros comandos estão:
Quanto ao sistema operacional, o Leitor de Telas oferece as seguintes facilidades:
          Narra itens de lista e de itens de menu e seus respectivos atalhos;
          Narra janelas de segurança como o gerenciador de tarefas, configurações de hardware;
          Narra objetos (janelas, ícones, aplicativos) que ganham o foco;
          Descreve “janelas popups”;
          Narra a data e a hora atual (CTRL+ ALT + H);
          Pausa/retoma a narração (CTRL+ ALT + P);
          Sai do Leitor de Telas (CTRL + ALT + X);
          Acionar o Leitor de Telas (CTRL + ALT + L) – configurado nas propriedades do atalho criado na instalação;
          Cancela a narração corrente (F8);
          Ativa a configuração do Leitor de Telas (WIN+C);
          Narra a ajuda pertinente ao contexto do usuário (CTRL + ALT + A).
Este foi apenas uma introdução ao sistema CPqD de leitor de telas, o mais recomendável é fazer uma leitura completa de todo o manual que você pode baixar no mesmo link citado anteriormente, pois nele existem dados bem mais explicados para utilizar em outros programas do sistema operacional e dos navegadores. 
Deixo abaixo alguns links uteis referente aos temas:
Para Desenvolvedores :


Share